Como melhorar a segurança de dados da minha empresa?


 

A segurança de dados é um dos fatores empresariais mais críticos da atualidade. Com a grande maioria das atividades alimentando bancos de dados virtuais, qualquer deslize pode provocar uma exposição desastrosa do negócio para concorrentes ou até pessoas puramente mal-intencionadas, como hackers.

Um exemplo recente que afetou empresas em todo o Brasil foi o de invasores que sequestravam os dados organizacionais e cobravam pela sua liberação. Mesmo que você não enfrente algo semelhante, diversos outros tipos de situações e falhas podem causar perdas irreversíveis para suas operações, como corrompimentos de bancos e até quebra de hardwares.

Vejamos alguns caminhos que podem ajudá-lo a lidar de maneira efetiva com os riscos tecnológicos de perda de informações que rondam sua empresa.

 

Utilize uma Hospedagem de Qualidade

Nossa primeira dica se refere à forma pela qual você armazena seu site e o disponibiliza na internet. Existem diversos serviços disponíveis para tanto, mas a escolha de um de baixa qualidade pode provocar uma série de inconvenientes para o seu negócio.

O site é o cartão de visitas virtual de uma organização, o que significa que ele deve manter informações atualizadas, estar sempre disponível e apresentar alta performance para o usuário. Tudo isso começa com um bom serviço de hospedagem.

Além de disponibilidade e alto nível de desempenho no fluxo de dados, é essencial que ele garanta a segurança de acessos aos dados empresariais disponibilizados na plataforma.

 

O Backup Automático em Nuvem

Outra estratégia tecnológica que muitas empresas utilizam e que é altamente recomendada é a do backup automático em nuvem. Basicamente, a ideia é criar uma cópia virtual dos dados de um determinado banco virtual, possibilitando uma redundância das informações.

Esse recurso é indicado para diversas situações, no entanto se mostra especialmente interessante em casos nos quais os históricos são essenciais. Um bom exemplo é o dos sistemas de gestão ERP’s, que lidam com elementos críticos de todos os setores do negócio.

 

A Importância dos Dados Criptografados

O terceiro aspecto que queremos destacar é a criptografia de dados. Basicamente ela representa uma forma de codificação das informações enquanto elas encontram-se em trânsito, garantindo que, caso elas sejam interceptadas, não serão legíveis a alguém que não possua a chave de decodificação.

Dessa forma, elas podem ser corretamente interpretadas apenas por um receptor específico. Imagine, por exemplo, que durante o backup automático, suas informações financeiras transitem entre o seu servidor local e a nuvem. Se elas fossem indevidamente coletadas, você teria um dos aspectos mais críticos do seu negócio exposto a um indivíduo desconhecido.

 

Estabeleça Regras de Negócio Consistentes

Para finalizar nossas dicas sobre como proteger os dados de sua empresa, queremos falar sobre uma das ferramentas de gestão mais utilizadas desde sempre: as regras de negócio. Elas constituem as normas que regem o funcionamento de toda a organização e, neste caso, precisam ter foco em medidas que garantam individualmente e em grupo, a exclusão de comportamentos potencialmente inseguros.

A boa notícia é que existe uma série de possibilidades de controles automáticos que asseguram as regras que você definir a respeito do uso da tecnologia da informação. Sendo assim, trata-se de uma questão de estabelecer as formas de trabalho mais adequada e utilizar ferramentas que simplifiquem seu cumprimento.

Alguns bons exemplos de como isso funciona na prática são: restringir o uso de mídias removíveis nos computadores empresariais, utilizar antivírus de qualidade, orientar seus colaboradores sobre a abertura de links desconhecidos e restringir o acesso a sites potencialmente perigosos.

 

A Segurança de Dados e a Competitividade Empresarial

Quase todas as atividades empresariais na atualidade possuem uma interface digital. A internet e os diversos softwares de gestão criaram dinâmicas intensas para os fluxos virtuais, fazendo com que medidas de controle inexistentes há alguns anos se tornassem essenciais.

A segurança da informação é um dos aspectos mais importantes nesse contexto. Suas bases de dados são um reflexo direto da organização e precisam ser devidamente resguardadas para assegurar a confiabilidade, disponibilidade e confidencialidade necessária.

Não adianta atuar a partir de recursos tecnológicos sem se preparar. Se sua empresa possui dados em ambientes virtuais, saiba que você precisa trabalhar de maneira consistente para evitar riscos que ameacem expor ou perder elementos sensíveis para a gestão das atividades.

 


Voltar ao Topo