O que está acontecendo com o mercado web


Os “web designer” como eram chamados há até a pouco tempo, e denominados agora como Desenvolvedores Web estão decepcionando muito o mercado, e não estou falando somente  dos profissionais liberais mas também das empresas que desenvolvem web. É impressionante o número de clientes que encontramos no dia-a-dia que estão totalmente desorientados sobre investir na web.

 

Basta abrir seu navegador e observar com seus olhos críticos a qualidade dos sites, e verá que estão muito mal estruturados, sem conteúdo, com aplicativos ainda em Flash, impossibilitando de serem vistos em smartphones ou tabletes, e isso é apenas o começo, encontramos clientes que acreditam que já ter seu site, e muitos apenas compraram anúncios com páginas estáticas sem um endereço na internet próprio, ficando com seu domínio (www.) “pendurado” no domínio do anunciante. Quer mais? A falta de orientação dos “pedreiros da web” é tamanha que muitos clientes ao serem indagados se têm sites afirmam que sim, e quando pedimos seu endereço do site, estes nos passam o e-mail.

Decidimos catequizar o mercado e dar “aulinhas” a estes clientes, o básico pelo menos para eles perceberem que para ter sucesso na web de forma solida, devem primeiro ter seu site no seu endereço web, é como uma construção de um imóvel o primeiro passo depois de um bom projeto é a construção de um bom alicerce afim de que tudo que fizer acima será bem estruturado.

O alicerce que dissemos acima na construção seria como ter seu site bem feito em primeiro lugar, e não ter somente uma Fan Page, um blog ou um anúncio achando que começou certo. Não que estas publicações não sejam eficientes, mas devem andar em paralelo a um bom site.

Sempre explico aos meus clientes que ter um site na internet é como ter uma filial de seu negócio. Para ter uma filial e ter sucesso, é preciso se preocupar com inúmeros detalhes iniciais e de manutenção, afim de que seu negócio e esta filial prosperem, não é mesmo? A filial tem que ter um bom ponto, ter boa aparência, ter funcionários competentes para a função, deve ter um ambiente limpo e não pode ter teias de aranhas na recepção, certo? É com este carinho que se deve pensar no site. Um site atualizado e sem “teias de aranhas”.

Investir na Web de maneira correta é mais barato do que imagina trabalhando com a empresa certa, e lembre-se antes de tudo tenha um bom site indexado no Google e ai sim você poderá compartilhar o conteudo do site na sua Fan Page, agregado valores.

Na desonestidade

Muitos empresários nos procuram desanimados com tanto trabalho e dinheiro gasto, e até então não conseguiram ter um site profissional e é claro que a grande maioria procura preço baixo ou site feito de graça literalmente pelo sobrinho ou algum amigo. Outro dia ouvi numa palestra de web este termo e achei muito engraçado e real: “...é impressionante como se tem a concorrência dos sobrinhos de plantão...” disse este palestrante com propriedade.

Mas enfim, estes empresários reclamam terem sidos enganados, que o que combinaram não foi cumprido, que existe uma grande demora em atender aos pedidos de manutenções. Poderíamos fazer uma lista de tantas reclamações, mas uma reclamação que mais nos incomoda é o da desonestidade, pois quando começamos a estudar o caso do cliente, partindo do domínio que ele tem no registro.br descobrimos (nós e o cliente também) que o seu domínio esta registrado no CNPJ ou CPF do antigo Desenvolvedor. Neste caso depois de muito investimento na URL ele acaba tendo sérios problemas com este “profissional da web”.

A solução

Se você pretende fazer um investimento correto na Web, procure uma empresa especializada e estabelecida, e que tenha clientes atendidos a mais de um ano. Normalmente desenvolvedores web que fazem “bico” a noite, tendem depois de não dar um atendimento correto nos problemas futuros ou manutenções.

Confira os trabalhos realizados desta empresa, fale com seus clientes sobre o atendimento, procure recomendações, e não somente o preço baixo, normalmente nos preços mais baixos do mercado é que estão os problemas, e depois que os problemas começam a surgir, outro desenvolvedor web profissional, não irá querer dar continuidade naquele seu site que certamente estará fora de padrões técnicos corretos.

Eduardo Somenek


Voltar ao Topo