Linus Torvalds Pai do Linux e clone do Pac-Man mostra seu local nerd




Linus
é um nome familiar para você? e Linux? ai sim certo? pois é, Linus Torvalds criador do Linux nasceu em Helsínquia, na Finlândia. Ele é filho dos jornalistas Anna e Nils Torvalds2 , e neto do poeta Ole Torvalds. Ambos seus pais eram radicais do campus da Universidade de Helsinque, na década de 1960. 
 
Muitos ficam curiosos e pensam: Como será o local dos famosos desenvolvedores da informática criarem e trabalharem. Esse novo trabalho está sendo mostrado pela Linux Fundation que vai começar uma série de vídeos mostrando um pouco de cada desenvolvedor famoso e para estrear nada mais e nada menos que o Linus Torvalds.
 
"Esta é a continuação de uma série que já contou com Greg Kroah-Hartman e Steve Rostedt, entre outros. Ele compartilha espaços de trabalho Linux desenvolvedores do kernel 'e nos dá toda a ideia mais clara sobre a melhor forma de trabalhar com os melhores talentos do mundo do software.
 
Confira o vídeo abaixo também:


Começou a lidar com a informática quando tinha 11 anos. O avô , Leo Waldemar Tornqvist, um matemático e estatístico da Universidade comprou um dos primeiros computadores Commodore em 1980 e pediu-lhe ajuda para usá-lo. Tornou-se tão interessado que passou um verão inteiro dentro de casa ou, melhor dizendo, no quarto em frente ao computador desenvolvendo o que restava do Kernel.
 
Torvalds frequentou a Universidade de Helsinki, entre 1988 e 1996
 
Seu interesse por computadores começou com um Commodore VIC-20. Após o VIC-20, ele comprou um Sinclair QL, que ele modificou bastante, especialmente seu sistema operacional. Ele é conhecido por ter escrito um clone do Pac-Man chamado Cool Man. Em 5 de janeiro de 1991, ele comprou um Intel 80386-IBM PC antes de receber sua cópia MINIX, que por sua vez lhe permitiu começar a trabalhar em Linux.
 
No fim dos anos 80 ele tomou contato com os computadores IBM/PC compatíveis e em 1991 comprou um 80386. Com 21 anos, 5 já de experiência programando (em C), ele tinha contato com o Sistema Unix da Universidade (SunOS, atualmente Solaris) e desejava rodar a versão de Tannenbaum (Minix) no seu recém adquirido 80386.
 
 
Curiosidades
 
* Uma vez, o seu avô comprou um veleiro montável com cerca de 1000 peças para ser montado com o neto, Linus e pudessem velejar juntos. Mas no dia em que o veleiro chegou já era tarde, o avô preferiu esperar até amanhã. Mas Linus não conseguiu aguentar tanto tempo e montou o veleiro sozinho. O seu avô ficou espantado pois, um veleiro destes é muito difícil de ser montado.
 
* O nome do mascote Tux (o pingüim do Linux), foi escolhido por votação, pelo próprio Linus. Segundo ele “gostaria de um pingüim cheio, satisfeito por ter comido muitos peixes”. Diz a lenda que o motivo por trás da escolha do Tux como mascote foi uma mordidela que Linus levou de um pinguim num jardim zoológico.

* Ainda a cerca da mordidela, eis a lenda: Linus estava em um zoológico, parece que alimentando os pingüins, e eis que toma uma mordida em um dedo, que havia doído bastante. Ao perceber a dor que sentiu de um animal de pequeno porte como um pingüim, Linus pensa: “Se um animal tão pequeno consegue me machucar assim, porque meu pequeno S.O. não pode ‘machucar’ um maior?”

*Diferentemente do Senhor Gates linus não é um milhonario dominador do mundo e sim um cara que contribuiu com algo que liberte as pessoas da dominação microsoftana.

Torvalds possui a marca registrada "Linux" e supervisionada o uso da marca através da organização sem fins lucrativos Linux International.

 


Voltar ao Topo